Fliporto 2015 começa nesta quinta-feira, 12/11

0

Prestando homenagem ao poeta português Fernando Pessoa, a Festa Literária Internacional de Pernambuco tem início nesta quinta-feira, 12/11, em Olinda. Sete escritores portugueses participam do evento.

Nesta quinta-feira, 12 de novembro, a cidade de Olinda recebe, pelo 6º ano consecutivo, a 11ª edição da Festa Literária Internacional de Pernambuco (Fliporto). O evento, que ocorre no Complexo Educacional de São Bento, na cidade Alta, brinda o público com a presença de autores como a sobrinha do poeta Fernando Pessoa, homenageado deste ano, Manuela Nogueira, e também dos escritores Miguel Sousa Tavares, Arnaldo Saraiva, Paulo José Miranda, André Morgado, Alfredo Antunes, Eric Nepomuceno, Mário Prata, entre outros. A Fliporto 2015 conta com o apoio institucional da Embaixada de Portugal no Brasil, do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua e da Casa Fernando Pessoa.

Nos oito encontros do Congresso Literário, a Fliporto terá nomes de escritores e pensadores de quilate como a escritora e sobrinha do homenageado Manuela Nogueira. Ela é quem faz a abertura do evento, no dia 13, às 19h, na Abadia do Mosteiro de São Bento.

Nos dois dias subsequentes a programação conta com os nomes de Javier Cercas, Sérgio Godinho e Ioram Melcer na mesa intitulada “Verdade, Falsidade e Fingimento: os heterônimos de cada um de nós”;  Luíze Valente, Alfredo Antunes e Eric Nepomuceno no encontro “Saudade e Memória: o passado presente e o futuro na literatura e na história”; Elisa Lucinda e Paulo José Miranda, em “O meu caso de amor com Fernando Pessoa”, só para citar os principais.

O encerramento do evento fica por conta do professor Pasquale Cipro Neto na mesa intitulada “As nossas – e as outras – línguas portuguesas”. Conhecido do público brasileiro, Pasquale falará sobre os principais caminhos que levam à transformação da língua portuguesa em nosso País e nas demais nações lusófonas.

“Queremos fazer uma grande reflexão sobre a nossa língua, a literatura criada em Portugal e no Brasil e os principais intercâmbios contemporâneos. Assim, unidos pelo idioma, Brasil e Portugal estabelecem uma interessante relação dialógica, fator que permite que os escritores portugueses sejam bastante conhecidos e lidos em nosso país. A literatura portuguesa influenciou a construção de nossa identidade literária, visto que as primeiras manifestações da literatura nacional ocorreram durante o período colonial”, destacou o presidente do Conselho Cultural da Fliporto, Antônio Campos.

OUTROS ESPAÇOS

Além do Congresso Literário, a Fliporto 2015 contará com espaços voltados para o público infanto-juvenil através da Fliporto Galera e Galerinha. Nesta última, a programação conta com dez encontros em diversos formatos, como oficinas de máscaras, contação de histórias, espetáculos teatrais (como o “Luanda, Ruanda” no dia 13, às 14h), programação de cordel e apresentações escolares.

Para o público juvenil, a Fliporto Galera conta com 11 programações para os três dias de evento. Na sexta-feira, 13, por exemplo, conta com mesas e oficinas de escritores como “Aforismos e Aflorismos – Oficina de Criação Literária”, com o pernambucano Wilson Freire. No mesmo dia o ator Adriano Cabral realiza a performance “As pessoas de Pessoa”; no início da tarde é a vez dos jornalistas e escritores Gilberto Freyre Neto e Roberto Beltrão falarem sobre “Narrativas Assombrosas de uma Sexta-feira 13”. A mediação fica por conta do escritor André Balaio. No sábado, 14, a contadora de história Clara Haddad fala sobre os contos portugueses no encontro “Era Pois Pois Uma Vez”. Serão demonstrados contos tradicionais portugueses, colhidos por Teófilo Braga, Adolfo Coelho, e Ana de Castro Osório acompanhadas por histórias cantadas do cancioneiro popular. A programação conta ainda com pocketshows e bate-papos.

DESTAQUES

Um dos nomes de destaque que irá compor a programação do Congresso Literário é o do espanhol Javier Cercas. Romancista, contista, cronista, tradutor e professor, atual colunista do jornal El País, ele tornou-se mundialmente conhecido com o romance “Soldados de Salamina”. Escreveu, também, “O inquilino”, “A velocidade da luz” e “O impostor”, este último terá a sua edição brasileira lançada na Festa. Apesar de possuir língua diferente da celebrada pela Fliporto, Richard Zenith tem sido o responsável pela edição de muitos livros do homenageado desta edição, a exemplo do Desassossego, e é presença confirmada no evento. O americano é um dos grandes promotores da literatura lusófona no mundo anglo-saxônico.

ECONOMIA

A Festa Literária Internacional de Pernambuco é um exemplo de como a cultura pode impulsionar a economia de uma cidade e mudar a realidade local mesmo que de forma temporária. Com um público estimado de 90 mil pessoas, a circulação dos participantes em Olinda levou uma injeção de 5 milhões na economia da cidade durante realização da festa no ano passado.

A mudança de toda a estrutura da Fliporto para o Colégio São Bento foi estratégica. Segundo Antônio Campos, a utilização do espaço educacional trouxe mais segurança e organização ao evento: “A utilização do espaço do Complexo Educacional viabiliza o trânsito do público em todos os espaços do evento além de garantir o incremento de público na cidade área de Olinda que é tombada pela Unesco”, finalizou Campos.

ACESSE A PROGRAMAÇÃO COMPLETA. Clique aqui!

 

programageral15

 

SERVIÇO:

11ª Festa Literária Internacional de Pernambuco (Fliporto)
Tema: Minha pátria é a língua portuguesa
Homenageado: Fernando Pessoa
12 a 15 de novembro de 2015
Complexo Educacional de São Bento, na cidade de Olinda, em Pernambuco – Brasil
Acesso gratuito

Share.

Deixe seu comentário